Papel Noel dos Correios

Papai Noel dos Correios

 

 

Por: Maria Fábia Paz Vitorino Willems

 

Já ouviram falar sobre o Papai Noel dos Correios?

 

Todos os anos os Correios brasileiros recebem inúmeras cartas endereçadas a Papai Noel. A proposta desse projeto é a seguinte: você vai até uma agência, “adota” uma dessas cartas e compra o presente pedido pela criança. Depois, é só retornar ao correio, que se responsabilizará pela entrega.

Se você tem um grupo de amigos, seja na escola ou na faculdade, no trabalho ou no futebol, por exemplo, pode sugerir para que “adotem” um número de cartas.

Se cada um de nós ajudar um pouquinho, o mundo pode mudar. Afinal, a mensagem do Natal é o amor ao próximo. Sejamos então solidários!

Para informar-se melhor sobre este projeto tão especial, continue lendo o artigo ou assista aos vídeos selecionados abaixo.

feliznatal_correios

 

Campanha Papai Noel dos Correios – Vídeos

 

Programa Interativo – Matéria sobre o projeto Papai Noel dos Correios:

Se você não puder assistir ao vídeo, clique aqui.

Reportagem – TV Band:

Se você não puder assistir ao vídeo, clique aqui.

Tv-Jangadeiro – Papai Noel dos Correios realiza sonho de crianças:

Se você não puder assistir ao vídeo, clique aqui.

Cidade Verde –O projeto pede doação de brinquedos:

Se você não puder assistir ao vídeo, clique aqui.

Neste ano 12 escolas participam. Cerca de 3,3 mil cartas foram escritas.

Para continuar lendo este artigo e ver ao vídeo, clique aqui.

 

 

Projeto “Papai Noel dos Correios”

 

O que é:
O Projeto Papai Noel dos Correios é uma ação corporativa, desenvolvida em todas as 28 Diretorias Regionais, que tem como foco principal o envio de carta-resposta às crianças que escrevem ao “Papai Noel”. O objetivo central é manter a magia do Natal.
Além de estimular a redação de cartas manuscritas pelas crianças, o projeto visa atender aos pedidos de presentes de Natal de crianças em situação de vulnerabilidade social, estimular o voluntariado dentro e fora da empresa e incentivar a solidariedade dos empregados e da sociedade.

A quem se destina?
O destinatário do projeto é a criança de até 10 anos que envia pelos Correios uma cartinha ao Papai Noel. As cartas que partem das comunidades carentes em todo o país são separadas e colocadas à disposição da sociedade para quem quiser adotá-las. Infelizmente, nem todas as crianças carentes podem ser atendidas.

Quem pode colaborar?
Todas as pessoas da sociedade podem colaborar, tanto como voluntários para auxiliar na leitura e triagem das cartas, como para adotar um pedido. Para isso, basta entrar em contato com a “Casa do Papai Noel” de sua região (clique aqui).

Como é feita a triagem?
Para adoção, será dada prioridade às cartas escritas por crianças que não tenham sido contempladas com presentes no ano passado, que contenham pedidos de brinquedos e que indiquem condição socioeconômica familiar condizente com o projeto.

Serão descartadas as correspondências que não contêm remetentes ou as com endereços repetidos. Portanto, não adianta mandar mais de uma carta, pois não se trata de sorteio. Assim, é importante o correto preenchimento do nome e endereço do destinatário, com CEP. Cartas de adultos não são atendidas, bem como pedidos de medicamentos, celular, MP3, DVD, notebooks e afins. Os critérios de atendimento de pedidos são razoabilidade e possibilidade.

Cada Regional tem um método de trabalho para classificação e seleção das cartas destinadas para adoção, considerando diversos fatores, tais como: tamanho da área abrangida, número de correspondências, número de adoções, número de voluntários envolvidos, etc.

Histórico

Realizada há mais de 24 anos, o Papai Noel dos Correios é uma das maiores campanhas sociais natalinas do Brasil. É uma ação corporativa, desenvolvida em todas as 28 Diretorias Regionais da ECT, que tem como objetivo principal o envio de carta-resposta às crianças que escrevem ao Papai Noel. Além de estimular a redação de cartas manuscritas pelas crianças, a campanha incentiva a solidariedade dos empregados e da sociedade.

Ajude o Papai Noel ->Como leitor ou padrinho

Disseminar o encantamento natalino só é possível com ajuda das pessoas. Por isso convidamos você para integrar essa grande mobilização de solidariedade: seja um ajudante do Papai Noel e realize os sonhos de milhares de crianças em todo país.

Os ajudantes do Papai Noel são as pessoas interessadas em apoiar na leitura das cartas. Ler, cadastrar informações e separar são as principais atividades desenvolvidas nesta etapa. É uma atividade não-remunerada, uma ação voluntária que já se realiza há mais de duas décadas. O Papai Noel vai adorar a sua ajuda, pois em 2009 foram quase dois milhões de cartas recebidas em todo país.

Como participar:

o Entre em contato com a Diretoria Regional dos Correios do seu Estado (veja os contatos em cada Estado);

o Faça uma visita e conheça o trabalho;

o Estabeleça um tempo fixo para ajudar na leitura das cartas. Não precisa ser muito tempo, mas freqüência é fundamental.

Participe da campanha e viva a magia natalina!

Os Correios agradecem seu apoio em nome das milhares de crianças atendidas anualmente pela campanha.

Mais informações oficiais a respeito do Papai Noel dos Correios podem ser obtidas na página http://www.correios.com.br/papainoelcorreios2013 ou pelo telefone (83) 3216-3521.

 

 

Casos curiosos

 

Não quero presente, sonho em encontrar meu Pai

Há cerca de 10 anos, os Correios do Espírito Santo receberam uma cartinha diferente, em vez de brinquedos ou outros artigos de consumo, uma criança de oito anos pediu ao Papai Noel que encontrasse seu pai. Sensibilizados, os empregados do Espírito Santo trocaram temporariamente a vocação postal pela investigação. Várias regionais se envolveram nesta busca, até que os Correios do Rio de Janeiro encontraram o pai da criança na Baixada Fluminense.
O “presente” contendo o endereço e contato do pai foi entregue à criança que pode enfim realizar o sonho do encontro.
Fonte: Diretoria Regional do Espírito Santo

 

Quero uma bola sem chocalho

Cartas escritas em braille são recebidas todos os anos e chamam atenção dos envolvidos na campanha. Uma em particular divertiu e emocionou os Correios do Espírito Santo. Além de ser portador de deficiência visual, a criança não tinha família e residia em abrigo. Situação que despertou imediatamente a solidariedade do leitor da carta. Entretanto, contrariando as expectativas, a carta não era triste e sim indignada. Uma indignação infantil que desperta sorrisos bondosos de reconhecimento que criança é criança e ponto.
Ele queria a bola comum, não aquelas que traziam chocalhos internos para sinalizar sua movimentação, adequadas aos deficientes visuais. Estava cansado de “ouvir” bolas e queria apenas brincar com uma, junto com seus amigos.
Fonte: Diretoria Regional do Espírito Santo

 

 

 

Outros casos emocionantes

Mensagem de voluntários num Fórum na internet: 

 

Um menininho pede um frango assado de presente, já que sua família era tão pobre que não podia comprar um.

Uma camiseta e uma calça nova para o irmãozinho de dois anos. Este foi o pedido de um garoto, que para si nada queria.

“Saúde para meu pai é tudo que eu quero de Natal, papai Noel.”

 

 

Depoimentos de voluntários que participam da triagem das cartas

 

Voluntário 1:

Nossa hoje eu fiquei muito triste.

Fui nos correios e li umas cartinhas (3 no total).
1) A primeira carta era de um menino que não escreveu muito e pediu uma bicicleta.
2) A segunda carta era de uma menina que também sonhava em ter uma bicicleta. Essa escreveu bastante, disse que estava no primeiro ano e estava gostando. Só que a mãe dela não trabalhava e o pai era preso. E além dela pedir a bicicleta, pediu um presente pro irmão dela de 14 anos.
3) A terceira carta era de uma mulher de 35 anos que não pedia pra ela, mas sim pra mãe dela que tinha 60 e queria muito uma máquina de costura.
Nossa, toda vez que eu lia as cartinhas me dava uma dor no coração
Eu queria muito poder ajudar, o problema que eu não tenho tanto dinheiro pra comprar uma bicicleta pra dar. Se eles ainda pedissem algo menos caro eu até dava.
Mas olha, fiquei mal… vi hoje como o mundo é injusto, como tem muita gente com muitos e outras com tão pouco

 

Voluntário 2:

Você pode escolher as cartinhas de acordo com o que você pode dar. Se você achou uma muito caro, escolhe outra… Eu já li cartinhas de crianças que pedem lápis e caderno pra usar de material escolar, panetone pra família, etc…
O importante é participar e ajudar.

 

Cena chocante sobre o tema “Papai Noel” e “a pobreza”

Outro dia eu vi uma cena bizarra.
Estava a mãe o filho (humildes) no shopping, quando o filho vê uma criancinha sentada no colo do Papai Noel e pedindo um presente, o filho fala pra mãe “Mãe, eu quero ir pedir um presente pro Papai Noel também”, dai a mãe responde “Não existe Papai Noel não! Aquilo é um velho que se fantasia de Papai Noel, nem existe isso… é lenda!” Dai o filho começa a chorar e eu olhando assim pra mulher ———> E a mulher responde “É minha ‘fia’, não dá pra iludir ‘fio’ de pobre não”.

 

 

Dicas de leitura

 

Se você estuda Português e/ou alemão, não deixe de ler também:

Fontes

 

http://www.correios.com.br

http://www.frihost.com/forums/vt-85448.html

Vídeos: http://www.youtube.com.br

Imagens: http://www.google.com.br

Anúncios

Sobre Mª Fábia P. V. Willems

Professora & tradutora de Português e Alemão. Ama as letras, é curiosa e gosta de fotografar. Quer compartilhar conhecimento, trocar experiências, fazer novos contatos e buscar novas oportunidades de trabalho.
Esse post foi publicado em 4.5 Sociedade brasileira (Brasil. Gesellschaft), 7 ATUALIDADE & CURIOSIDADES (Aktuelles & Kurioses) e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Papel Noel dos Correios

  1. Pingback: Das Weihnachtsfest für Deutsche und Brasilianer(O Natal para alemães e brasileiros) | LINGUACULTURA - Aprendizagem de Línguas e suas Culturas - Dicas de Viagens - Curiosidades

  2. Pingback: Das Weihnachtsfest für Deutsche und Brasilianer(O Natal para alemães e brasileiros) | LINGUACULTURA - Aprendizagem de Línguas e suas Culturas - Dicas de Viagens - Curiosidades

  3. Pingback: Das Weihnachtsfest für Deutsche und Brasilianer(O Natal para alemães e brasileiros) | LINGUACULTURA

  4. Pingback: Dicas de Natal (Tipps zum Weihnachten&Wünsche): Votos em várias línguas, Culinária, Cultura, Música, Filmes, Leitura em Alemão & Português | LINGUACULTURA: SITE EDUCATIVO Bem-vinda(o)! Herzlich Willkommen! Welcome! ¡Bienvenida(o)! 歡迎 B

Deixe um comentário para nós.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s